Dieta Low Carb

Fazer dieta não é tarefa fácil. Que o digam as pessoas que passam a vida tentando emagrecer, perder alguns quilinhos ou aquela gordura localizada que tanto incomoda. 

Algumas pessoas fazem por vaidade, por uma necessidade de ver o seu corpo de outra forma e não estão contentes com a aparência que têm.

Outras pessoas gostariam muito de perder peso por um cuidado com a sua saúde, pra se sentir mais disposto, para ter mais fôlego, ou por recomendação médica.

Independente da vontade ou da necessidade, a partir do momento em que se toma a decisão de mudar hábitos alimentares, fazer uma dieta, ou, como diziam antigamente, “fazer regime”, o primeiro passo a ser dado é descobrir qual a dieta que serve para cada um de nós. O ideal a ser feito por quem quer realmente “mudar de vida” é procurar um médico ou nutricionista. Estes profissionais têm total autoridade em fazer uma avaliação clínica, pedir exames, conversar com o paciente e ver quais hábitos estão em desacordo com seu objetivo e suas necessidades, além de decidirem, juntamente com o paciente, qual o melhor caminho em busca da tão sonhada reeducação alimentar.

A dieta do Carboidrato – Reduzindo Carboidratos para emagrecer

Tomados todos estes cuidados e precauções, o assunto agora é com que já passou por todas essas avaliações mencionadas, ingressou na Dieta Low Carb e, no momento precisa muito de ajuda na hora de variar o que comer, ou seja, elaborar o que há de melhor em Dieta Low Carb Cardápio.

O nosso objetivo aqui não é recomendar Dieta Low Carb para ninguém. A conversa se volta para o leitor que já tem essa recomendação através de médico ou nutricionista. Também não queremos invadir o mercado de ninguém, fazendo qualquer prescrição, que fique bem claro. 

O nosso olhar se volta para aqueles que já ingressaram no mundo da Dieta Low Carb e agora precisam de ideias, inovações, sugestões, para que não incorram no erro da rotina que enjoa e desmotiva. 

Fazer sempre as mesmas refeições, repetir cardápios diariamente, não se preocupar previamente e se programar para comer, e, principalmente, ter estes alimentos em casa, ao alcance das mãos na hora da fome, pode arruinar com esforços de semanas, ou até meses.

Quem faz Dieta Low Carb precisa ter ao seu alcance não só o alimento em si, mas também, ideias de como prepará-lo, quais combinações fazer, quais temperos usar, e qual a Receita Low Carb é apropriada para cada momento do dia, e para o tamanho de cada fome.

Muitas pessoas relatam que as principais refeições – almoço e jantar – não são o principal problema na Dieta Low Carb, mas sim, o que comer como lanches nos demais momentos do dia. 

Sabemos que até mesmo uma fruta pode não ser tão inocente quanto parece quando se trata de quantidade de carboidratos! E como fica a cabeça da pessoa que quer ser saudável e, ao mesmo tempo, se vê obrigada a abrir mão de frutas e, até mesmo, de alguns legumes? Realmente, a Dieta Low Carb precisa de um rigoroso acompanhamento profissional e muita disciplina por parte de quem precisa dela.

Procure seu médico ou nutricionista para que elaborem para você um Cardápio Low Carb que seja possível de ser praticado. Além de ser pensado especialmente para cada paciente, estes profissionais estarão aptos a ouvir suas dificuldades e fazer adaptações para facilitar um pouco a sua luta.

A Dieta Low Carb não é novidade, apesar de estar muito em evidência no momento. Ela é utilizada desde o século XIX e cada vez tem ganhado mais adeptos, devido a enorme exposição de corpos saudáveis e praticamente perfeitos nas redes sociais. A pressão que chegava através de sites com famosos, revistas, filmes ou jornais já era enorme, mas certamente esse estouro da Dieta Low Carb se deve, principalmente, ao acesso da população às redes sociais digitais, como Facebook, Instagram, Pinterest, Tinder, entre outras. Não são apenas os ricos e famosos que são jogados diariamente em nossas mentes, mas pessoas comuns, do nosso dia-a-dia, ou pessoas que já fizeram parte de nossas vidas e que, em algum momento, tivemos a “maravilhosa” ideia de adicioná-los como contato em nossas redes sociais… pronto! Sem se dar conta, iniciamos ali a perda da nossa paz!

Pode parecer engraçado, mas era tão melhor a vida quando algumas pessoas somente passam pela nossa, e não ficavam! Era tão melhor quando alguns colegas de escola, da faculdade ou do trabalho ficavam lá no nosso passado apenas. Hoje, acordamos e acessamos nosso feed de notícias do Face ou do Instagram, e o que vemos? Damos de cara com aquelas figuras lindas e saradas, barrigas negativas e definidas, ou melhor, riscadas. E tudo isso vem de gente real e não de famosos que precisam da exposição de seus corpos e de suas vidas para ganhar o pão de cada dia.

Acredite, muitas dessas pessoas aderiram à famosa Dieta Low Carb, ou, pelo menos, incorporaram algumas Receitas Low Carb em suas vidas, e já enxergaram resultados. Isso se dá porque, ao reduzirmos o consumo de Carboidratos da nossa alimentação, nosso corpo passa a diminuir a retenção de líquidos, ou seja, desinchamos. Dependendo da massa corporal da pessoa, ela pode perder cerca de 2kg apenas nos dois primeiros dias de Dieta Low Carb, e isso apenas controlando a alimentação, sem aderir aos exercícios físicos. Mas essa maravilha não dura pra sempre, pois assim que desinchamos, a perda de massa corporal já não atinge estes mesmos números diários.

Isso não significa que você deve desistir, pelo contrário! Apesar disso, a Dieta Low Carb tem se mostrado como uma das melhores aliadas na perda de peso, perda de gordura corporal e, principalmente, no ganho de saúde de quem precisa ou quer tanto uma mudança de hábitos alimentares.

Se você quer investir na Dieta Low Carb, deve se preparar e ter sempre ao seu alcance os alimentos que são permitidos nessa dieta. Além disso, é interessante que você saiba variar o Cardápio Low Carb, tendo em mãos algumas Receitas Low Carb. Ou seja: cerque-se de aliados! Não adianta aderir à dieta, mas não ter alimentos permitidos ao seu redor, porque em algum momento, ou em muitos momentos, a fome bater forte no seu estômago e você pode virar um verdadeiro furacão na sua cozinha, acabando com tudo que tiver na geladeira e nos armários.

Cardápio Low Carb

Alimentos como arroz, batata branca, batata rosa, macarrão, produtos com farinha e açúcares estão definitivamente proibidos na Dieta Low Carb. Esse tipo de alimento não só é proibido para quem está na Dieta Low Carb, mas também deve ser evitado, ou pelo menos, consumido com muita moderação pelas demais pessoas que estiverem interessadas em uma alimentação mais saudável. Esses alimentos tem uma alta quantidade de carboidratos e um baixo índice glicêmico, ou seja, vão te saciar sim, mas por pouco tempo. E engordam? Sim! E como engordam!

Se você já conseguiu tirá-los ou reduzir o consumo na sua vida, ótimo! Continue assim! Não se desmotive olhando aquela refeição gostosa, ou aquele doce maravilhoso de bom e de bonito, mas que você não pode comer, e é capaz de engordar só de sentir o cheiro.

Procure por alternativas! Existem Receitas Low Carb que dão água na boca! Elas enchem os olhos e a sua mente de satisfação, saciam seu corpo e sua vontade de comer doces e salgados, e, o melhor de tudo, não detonam com todo o esforço empregado por quem está na Dieta Low Carb.

Receitas Low Carb – Clique aqui e veja as melhores Receitas Low Carb

Você até pode sair catando pela internet Receitas Low Carb, mas deve ter o cuidado de verificar se cada um dos ingredientes da receita é mesmo Low Carb. Alguns não são e podem acabar com seu esforço. A dica é que você procure uma fonte confiável. Existem E-books especializados na Dieta Low Carb, cujo conteúdo foi cuidadosamente pesquisado, testado e conferido, para que você não tenha surpresas desagradáveis.

Se você já aderiu à Dieta Low Carb fique à vontade para compartilhar com a gente sua experiência. Deixe seu relato aqui nos comentários.

3 thoughts to “Dieta Low Carb”

  1. Preciso perder peso urgente, espero que suas dicas possam me ajudar porque já estou cansada de se sentir mal comigo mesma, me desculpe pelo desabafo e obrigada por compartilhar esse conteúdo.

  2. Eu sempre sofri para perder peso e quando conseguia alguns kg, em poucos meses a gordura sempre voltava. Vou procurar seguir essas dicas pra conseguir melhores resultados. Obrigada por compartilhar tanto conteúdo de valor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *